5 dicas para levar uma vida mais leve e manter o bom humor

Bom humor é uma habilidade, e como toda habilidade devemos ter foco para treino. 

Mas o que isso significa, afinal? Vamos explicar!

Quando levantamos o aspecto de habilidade e treino, queremos dizer que, constantemente devemos treinar nossa mente. No texto de hoje, especificamente, estamos falando sobre bom humor, então considere que os treinos e dicas que daremos serão voltados a este tema, ok?

Antes de tudo, é importante conduzirmos nossa mente de forma positiva e resiliente., para que com o passar do tempo, o treino se torna um hábito, que é mantido por homeostase. 

Nós separamos 5 passos  super importantes para te ajudar a melhorar seu humor e levar a vida de uma forma muito mais leve! Confira abaixo:

1- Sorrir sempre que possível

Alguma vez você já parou para pensar como aprendemos a expressões faciais, como o sorriso? Vamos te explicar como esse processo acontece. 

Quando nascemos, chegamos ao mundo de forma neutra, ou seja, não temos bagagem de vida, não sabemos andar, falar ou expressar nossos sentimentos. Todas essas ações só são aprendidas à partir do convívio com outras pessoas, que as fazem e nos ensinam indiretamente. É como se os outros fossem um espelho para nós.

Por exemplo, nós aprendemos a expressão do sorriso com nossos pais, já que é a primeira coisa que vemos eles expressarem enquanto ainda somos bebês. Os pais, já na maternidade, esbanjam sorrisos na direção do bebê, e assim o ensinam indiretamente  a espelhar tal expressão durante a vida. Bacana, né? 

O sorriso também é uma expressão que envia uma mensagem positiva para o cérebro e por consequência nos relaxa e alivia o stress. Por isso, sorria sempre! Procure olhar o lado bom de sua vida, carregando sempre um sorriso em seu rosto. Temos certeza que o retorno será muito positivo.

2- Ouça música animada

Você sabia que a música possui um poder fantástico em nossa mente?

O som musical tem ritmo e por isso, é capaz de realinhar as ondas cerebrais, gerando tranquilidade, animação e, por consequência, bom humor. 

Sabe aqueles dias que você está meio desanimado, sem muita vontade ou motivação? Coloque uma música alegre, cante, vibre junto com a canção. Em poucos minutos você estará se sentindo muito melhor, podemos te garantir!

A música é capaz de te puxar para cima, de te animar em dias ruins ou difíceis. Use-a a seu favor!

3- Treine olhar a parte boa de todos os acontecimentos

Não é clichê quando ouvimos de outra pessoa a seguinte frase: “Olhe o lado bom disso que aconteceu com você”.

Nós somos capazes de modelar o comportamento e a forma como encaramos as situações de nossa vida. Um acontecimento ruim pode trazer consigo algo bom, como um aprendizado, por exemplo.  

Não devemos deixar os pensamentos negativos tomarem conta da nossa mente. Entenda, esses pensamentos são normais e irão ocorrer. O que você deve fazer é treinar sua mente para que ela não permita que o negativismo a domine. 

Todo comportamento é modelado. Treine! Faça isso por você. Se precisar de ajuda, acesse app.eita.me e converse com um de nossos facilitadores. Eles poderão te ensinar formas eficazes de treinamento mental.

4- Cuide das suas reações diante dos acontecimentos

Todo ser humano é composto por três cérebros. Incrível, né?

Possuímos o cérebro racional, que pensa (neocórtex), o médio, que sente (límbico), e o primitivo e instintivo, que toma a maioria das decisões (primitivo/reptiliano). 

Pela evolução das espécies ganhamos o córtex, (capacidade de racionalização), porém, diante de acontecimentos em nossa vida, a reação espontânea é a mais esperada de ser praticada, uma vez que o cérebro Reptiliano (o mais antigo de todos) é o primeiro a ser utilizado. Para ativarmos o Neocórtex, é importante gerarmos dúvida em nossa mente. O que isso significa? 

Significa fazer perguntas para si mesmo, te obrigando a pensar. 

A racionalização permite que você analise os fatos com mais calma, e consequentemente, evite grandes problemas em sua vida. Por isso, se questione, faça perguntas internas e racionalize!

Além disso, após gerar a dúvida, você garante a quantidade certa de tempo para fazer com que o estímulo nervoso gerado pela dúvida passe pelo tronco cerebral e vá até o frontal, (porção responsável por tomada de decisão). Mas, para que isso aconteça, é fundamental que você gere uma dúvida, certo?

5- Exercício e alimentação saudável

Outra dica que pode parecer clichê, mas não é e vamos te mostrar os motivos!

Praticar exercícios e manter uma alimentação saudável têm influência direta no bom humor, além de gerar uma percepção de autocuidado e liberar hormônios fundamentais. 

Nosso cérebro é capaz de se adaptar as mais variadas mudanças e essa capacidade de adaptação influencia diretamente em nosso dia a dia.

Aprenda que todo investimento em si mesmo é sempre o melhor caminho! Sempre busque ser sua melhor companhia e cuide de seu corpo e mente com carinho. Não se negligencie. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.